ico mapa site Mapa do Site            ico rss Assine nosso Feed
10/09/18

Encontro discute propostas para fortalecer a Assistência Farmacêutica

Atividade promovida pelo Conselho Nacional de Saúde (CNS), integra as ações rumo à 16ª Conferência Nacional de Saúde (8ª + 8).
Foto: DivulgaçãoFoto: Divulgação

Curitiba sediou um dos encontros regionais preparatórios para o 8º Simpósio Nacional de Ciência, Tecnologia e Assistência Farmacêutica (8º SNCTAF), que integra a programação da 16ª Conferência Nacional de Saúde (8ª + 8), nos dias 30 e 31 de agosto. O evento, que ocorreu em parceria com a Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz) e organizado pela Escola Nacional dos Farmacêuticos, com apoio do Ministério da Saúde e da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), contribuiu para o debate acerca dos desafios da implementação da Política Nacional da Assistência Farmacêutica, assim como o impacto que isso causa na vida de todos os brasileiros.

O Conselho Nacional de Saúde (CNS) vai realizar Encontros Regionais Preparatórios para o 8º SNCTAF. Os encontros vão ocorrer em cinco capitais brasileiras até setembro de 2018.

Manaus (AM), Curitiba (PR), Salvador (BA), Recife (PE) e Belo Horizonte (MG) receberão as atividades, que são voltadas aos membros do controle social brasileiro, ativistas sociais, acadêmicos, usuários, trabalhadores e gestores do Sistema Único de Saúde (SUS). As inscrições acontecem por meio de formulário que deve ser preenchido até a véspera de cada encontro ou até as inscrições completarem o número de vagas em cada capital.

O 8º SNCTAF acontecerá em dezembro, na sede da Fiocruz, no Rio de Janeiro, e se articula aos eixos: Saúde das Pessoas com Deficiência; e Assistência Farmacêutica e Ciência e Tecnologia. Neste sentido, o relatório dos Encontros Regionais realizados agora servirá de subsídio ao 8º SNCTAF, que, em seguida, levará suas contribuições para a 16ª Conferência, marcada para 2019.

O objetivo do simpósio é propiciar o debate sobre ciência e tecnologia, assistência farmacêutica e atenção à saúde das pessoas com patologia,  qualificando a atuação e intervenção dos participantes sobre a organização do acesso da população aos medicamentos e as novas tecnologias em saúde por meio do SUS.

O encontro

O evento contou com a participação de estudantes, farmacêuticos, pesquisadores, acadêmicos, gestores, usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) e conselheiros de saúde.

“O envolvimento de diversos atores faz com que a discussão seja muito mais rica, em cima de um tema tão complexo e desafiador da saúde pública brasileira”, afirma o secretário municipal de saúde de Cambará (PR), Diego Domingues de Oliveira.

“Esse é um evento de suma importância, é a oportunidade única de estarmos discutindo não apenas com academia, mas com diferentes profissionais e com a sociedade organizada. Essas diferentes ações estão no cerne da relação da Fiocruz com a sociedade brasileira”, completa o vice presidente de produção e inovação da Fiocruz, Marco Aurelio Krieger.

Propostas

Entre as propostas apresentadas pelos grupos de trabalho no encontro regional de Curitiba está a necessidade de fomentar a política de valorização dos laboratórios oficiais e instituições de pesquisa, com vistas à produção de medicamentos e demais tecnologias de interesse do SUS.

Os participantes também discutiram o incentivo da educação continuada e a pesquisa científica, no âmbito do SUS, articulando academia e serviços, para qualificar os trabalhadores da saúde buscando o cuidado integral.

Além de Curitiba, a atividade já aconteceu em Manaus (AM) e será realizada em Salvador (BA), nos dias 13 e 14 de setembro, Recife (PE), em 20 e 21/09 e Belo Horizonte (MG), nos dias 27 e 28/09.

Para o conselheiro nacional de saúde Moyses Toniolo, que representa o segmento de usuários do SUS no Conselho, é fundamental o envolvimento de todos no debate. “É preciso termos consciência que a assistência farmacêutica, ciência e tecnologia impactam na vida de todos. Vamos construir dentro do SUS uma resposta para a ampliação e o fortalecimento dessas políticas, que se traduzem em bens e serviços para a população”, afirma o conselheiro ao convidar a população para o debate.

O 8º SNCTAF acontecerá em dezembro, na sede da Fiocruz, no Rio de Janeiro, e se articula aos eixos: Saúde das Pessoas com Deficiência; e Assistência Farmacêutica e Ciência e Tecnologia. Neste sentido, o relatório dos Encontros Regionais realizados agora servirá de subsídio ao 8º SNCTAF, que, em seguida, levará suas contribuições para a 16ª Conferência, marcada para 2019.

Fonte: Conselho Nacional de Saúde





Adicionar comentário

Ações

Uma iniciativa da CNTU em prol do desenvolvimento nacional e do bem-estar da população. São oito temas para ajudar a mudar o Brasil.

Saiba mais

Biblioteca CNTU

Um espaço para você encontrar facilmente informações organizadas em apresentações, artigos, legislações e publicações.

Saiba mais

 SDS Edifício Eldorado, sala 108 - Brasília/DF

Tel (61) 3225-2288

© Copyright 2015 - Confederação Nacional dos Trabalhadores
Liberais Universitários Regulamentados 
Fundada em 27 de dezembro de 2006.